terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Batalha Espiritual Parte 2 :O efeito da opressão espiritual; Por Mário Júnior


Porque, andando na carne, não militamos segundo a carne. Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus para destruição das fortalezas; Destruindo os conselhos, e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo o entendimento à obediência de Cristo; E estando prontos para vingar toda a desobediência, quando for cumprida a vossa obediência. (2 Coríntios 10.2-6)



A partir do momento que aceitamos a Cristo uma guerra começa. O mundo espiritual passa a ser um campo de batalha em que anjos e demônios passam a focar-se em nós, os demônios tentando nos destruir e os anjos lutando para nos guardar. Mas essa guerra também é nossa, e poucos sabem que isso é sério, que estamos lutando junto com os anjos pela nossa alma.

Dia após dia temos que restaurar nossas armaduras espirituais e pedir ao Senhor dos exércitos que nos cerque com sua milícia de anjos. Mas apesar de termos tudo a nosso favor existe o cansaço espiritual, a opressão que nos é imposta por principados e potestades, onde apenas nós podemos enfrentar. E existe o efeito dessa opressão.

Um demônio pode atormentar a pessoa com problemas como insônias, pânico, acusações, culpa, dor, doenças, depressão e coisas semelhantes. Às vezes ele pode fazer a pessoa ter desejos incontroláveis de pecar. Um demônio pode forçar a pessoa repetidamente aos pecados e hábitos que ele resiste, e do qual deseja muito ser liberto. E de acordo com o tempo passa ficar descontente com a vida cristã.

Muitos hoje vivem em desespero dentro da igreja por cativeiros que não conseguem ser libertos. Vivendo um ciclo onde peca, se enche de remorso, pede perdão e depois peca novamente, e sempre no mesmo pecado. É nesse momento que vemos a necessidade de um verdadeiro nascimento.

Existem espíritos que trabalham em uma pessoa ao mesmo tempo em que pode permanecer quieto, disfarçado, talvez ate por anos, e esses espíritos trabalham na área do orgulho, principalmente quando essa pessoa atinge um status espiritual, uma posição de responsabilidade. Um grande exemplo desse tipo de opressão é Saul.

Quando uma pessoa passa a incomodar o inimigo com seu estilo de vida, com sua entrega a Deus, com o ardente desejo de servi-lo e mudar sua personalidade, com o tempo passa a ser vitima de opressão demoníaca. Ora, qual a razão de satanás perseguir alguém que nada faz pela obra de Deus, que nada faz para ser liberta do orgulho e da falta de humildade? Ele não tem nenhuma razão. Essa pessoa apenas vive uma rotina, vive por viver, sem se importar em ter frutos. E apesar de estar na igreja, por dentro é um sepulcro caiado, onde não existe nenhuma luz, apenas o fedor do pecado e da ignorância da palavra de Deus. Volto a perguntar qual a razão de satanás oprimir essas pessoas? Nenhuma! Pois essas pessoas já estão do jeito que ele quer. Mas tudo começou com uma opressão, e a falta de vergonha na cara os deixou assim. Em um ciclo de pecado e imundice.

Temos que viver uma vida de seriedade com Deus. Buscar sempre nos entregar a ele não importando as circunstâncias. Jejuando e orando intensamente, louvando ao senhor mesmo em tempos de guerra e desertos. Chega de brincadeira! Vamos desembainhar nossa espada e enfrentar nosso orgulho, buscar o novo nascimento e principalmente pregar a palavra de Deus. Agora eu pergunto, há quanto tempo você não prega? Você já falou do amor de Deus para alguém essa semana? Já buscou jejuar ou apenas orar por alguém esses dias? Não! Então qual a razão do seu viver pra Cristo? Apenas ir a igreja, louvá-lo, receber, receber e receber. Isso se chama soberba! Não sejamos mesquinhos espiritualmente. Todo o dia temos que pregar a palavra de Deus. Creio que oportunidades é que não falta.

Você quer a receita para ser liberto desse cativeiro? Apenas faça o que Deus ordenou a todos nós. Pregue o evangelho. Isso é mais importante que cantar ou dançar. Chega de sermos oprimidos espiritualmente, vamos nos levantar, lutar e deixar de lado nossas fraquezas. Satanás vai tentar nos oprimir novamente, ele não descansará enquanto não nos prender nos pecados passados. Mas agora temos a certeza que estamos em guerra e que estaremos preparados para qualquer investida dele contra nós. Lembre-se que o Espírito Santo intercede por nós com gemidos inexprimíveis.

Espero que você tenha entendido o que é batalha espiritual. Ainda tem muita coisa para se tratar, mas creio que isso basta por um tempo. Alem do mais, isso é algo sério, onde se deve ser bem cauteloso na hora de tratar desses assuntos.

Que o Senhor dos exércitos lhe dê forças para continuar nesse caminho tão difícil de percorrer e não tire os olhos do alvo que é Cristo Jesus. Lute e lute, sempre com a espada e o escudo em mãos. Não seja mesquinho e não seja orgulhoso. Amém.

3 comentários:

  1. Como alguém pode aceitar Jesus e continuar oprimida a vida toda?
    Minha mãe era espirita quando muito jovem mas não gostava disso, e quando conheceu jesus o abraço e após mais de 50 anos continua atormentada por uma opressão que não acaba.Como é isso? Ela nunca saiu da igreja, conhece a biblia como poucos, não tem vicio, não adultera, professa Deus em sua vida mas nunca foi liberta. É atormentada em sonhos e com vozes e sensações de pânico, medo desequilibrio etc.
    O que faze? Tem que haver uma maneira!!!

    ResponderExcluir
  2. ja aconteceu isto comigo e no sonho eu pedia ajuda a Deuse não adiantava e graças ao Espirito Santo de Deus eu me lembrei da Palavra fui declarando tudo o que Deus é pra mim o medo se foi e o inimigo perdeu as forças. sei que pode não ser o ultimo sonho de batalha mas eu sei que é DEUS QUE ME REVESTE em sonhos ou na vida real e sempre EM NOME DE JESUS CRISTO . sua mãe precisa estar convicta da autoridade que Deus da aos seus filhos. e usar a armadura descrita em efesios











































    ResponderExcluir
  3. peça ajuda ao Espirito santo de Deus; Ele nos mostra o que fazer.O Senhor esta SEMPRE com voces até a consumação dos seculos

    ResponderExcluir